Pedaços de Mim

Precisava juntar meus pedaços, escolhi as palavras...

Áudios

VALE QUALQUER GESTO...
Data: 10/11/2014
Créditos:
POEMA: Vale qualquer gesto...
AUTORIA POEMA E VOZ: Sônia de Fátima Machado Silva
TRILHA SONORA: Sleep Away com Bobi Ari/ gênero Jazz
EDIÇÃO SOM: Sônia de Fátima Machado Silva
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



VALE QUALQUER GESTO...
 
Nesses dias, ausente,
estive pensando na primavera...
Como esquecê-la
se ela está em todo canto?
Até mesmo nesse concreto frio
que me esconde do mundo...
Até no canto da minha alma...
Em mim eu acho que é nesse
canto que ela está mais presente.
Até porque não estou num jardim
tão florido assim.
O concreto está armado, já disse...
Mas insisto nas flores...
Então não esqueci a primavera
e nem o propósito de meus poemas.
Por isso estou de volta.
Até porque para viver a primavera
vale qualquer gesto...
Inclusive fazer versos...
E também porque não tem como
não resistir às suas essências...
E à coragem de admitir
que todos os seus momentos
são coloridos e alegres,
mesmo quando há uma sombra de tristeza.
Então, na primavera vale qualquer gesto.
Principalmente colher flores
para colocar nos vasos da alma.
Sim, “colhamos flores”,
convida-nos Fernando Pessoa há tanto tempo.
colhamos flores, pega tu nelas
e deixa-as no colo, e que seu perfume
suavize o momento...”
É  que a vida passa
e nada fica e muito menos regressa.
Só a primavera...
Mas talvez  em seu regresso
já não estaremos mais aqui...
E sendo assim vale qualquer gesto
para não sentirmos o remorso
de não ter vivido esta estação...
 
 

 
( Ouçam também o aúdio desse poema)
( Grifos de Fernando pessoa)
( Imagem: google)
Enviado por Sonia de Fátima Machado Silva em 10/11/2014

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.



Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras